Blog
Mar 30

8 dicas para manter a saúde mental em isolamento

Muitos se têm deparado com o grande desafixo que é preservar a saúde mental em isolamento. Psiquiatras e outros especialistas têm alertado para as consequências psicológicas da quarentena. Além do confinamento, o afastamento físico dos entes queridos, a perda de liberdade, a incerteza em relação ao futuro e a monotonia podem levar a situações limite. Assim, deixamos 8 dicas para manteres a saúde mentar durante estes tempos desafiantes.

  1. Aceitar os seus sentimentos e emoções

Nesta situação, é natural sentir-se deprimido, nervoso, confuso, angustiado, assustado ou, mesmo, revoltado, entre outros sentimentos negativos. Em vez de reprimir estas emoções, é importante falar sobre elas e verbalizá-las. Isso ajudará a exteriorizar os sentimentos e a tranquilizar-te.

  1. Combate a solidão

Estar em isolamento não significa que não possas contactar por meios não presenciais com os seus amigos e familiares. Usa as redes sociais e as chamadas ou videochamadas para ires falando e vendo as pessoas de quem mais gostas.

  1. Cuida de ti

Comer bem, dormir e praticar exercício são 3 passos essenciais que em muito contribuem para o teu bem-estar físico e mental.

  1. Consumir notícias com moderação

Deve limitar o tempo dedicado a ouvir notícias, nomeadamente sobre o novo coronavírus. Além disso, não se esqueça de filtrar a informação que consome e centrar-se nas notícias que usam fontes oficiais, como a Organização Mundial de Saúde, o Serviço Nacional de Saúde ou a Direção-Geral da Saúde.

  1. Atividades estimulantes e prazerosas

Se estás com tempo livre, aproveita para fazer aquilo de que mais gosta e para que não costumas ter tempo. Ler, ver filmes, dançar, pintar, escrever… são apenas algumas das tarefas que podem ocupar produtivamente o teu dia e, também, a tua mente.

  1. Estabelece rotinas

Cria um horário, como se estivesse a ter a tua vida “normal”. Define horas para acordar e para deitar. Almoça e janta a horas adequadas. Isso vai ajudar a manter a tua mente disciplinada e a respeitar o teu ritmo biológico.

  1. Atitude positiva

Nem sempre é fácil ter uma atitude positiva perante uma situação que está a mudar a vida de todos. Mas é importante acreditar que a “guerra” será vencida e que no final vai “ficar tudo bem”. Recorre a técnicas que te ajudem a ganhar mais confiança e motivação.

  1. Pede ajuda

Pedir ajuda nunca é motivo de vergonha, nem muito menos sinal de fraqueza. Portanto, se sentes que não estás a conseguir lidar com os seus sentimentos e emoções, nem com esta circunstância de isolamento, contacta um profissional de saúde habilitado para te auxiliar.