Blog
Mai 19

Queres ser mais produtivo? Ter um hobby pode ajudar-te

Durante os estudos é muito comum que os estudantes entrem num círculo vicioso de maus hábitos, como estudar muitas horas seguidas, dormir de menos, fazer refeições inadequadas, passar por momentos de grande ansiedade, entre outras situações que não serão benéficas para o teu sucesso e produtividade. É fundamental perceber que também precisas de tempo para ti, para relaxar e para desligares dos teus compromissos e obrigações. Ou seja, precisas de tempo para fazer algo que te dê prazer. Vais perceber que, depois de te permitires ter esse tempo, te vais sentir mais calmo, menos tenso e, consequentemente, vais aumentar a tua produtividade.

Investir horas seguidas no estudo, sem pausas, vão tornar o processo mais pesado, mais cansativo, fazer-te sentir mais nervoso e, a determinado ponto, o estudo deixa de ser rentável. Então surge a necessidade de te abstraíres com outra atividade e dares descanso ao teu cérebro. No entanto, também é importante que esta atividade vá para lá de passar horas agarrado ao telemóvel ou à televisão, isto é, devem ser atividades que ter permitam estimular a criatividade e obriguem o teu cérebro a trabalhar uma outra componente. Ter um hobby vai permitir-te não só sair da rotina do estudo, descansar e focar a tua mente noutro assunto durante algum tempo, mas também perceber e até descobrir novos talentos, gostos e habilidades. Vai ajudar-te a aliviar o stress, a clarificar ideias, a aumentar o teu círculo social, a impedir a procrastinação e, eventualmente, a aumentar a tua autoconfiança.

Para escolheres um hobby que te deixe feliz e realizado, deves perceber o que é que te desperta paixão, quais os teus talentos, que temas te despertam mais interesse, que assuntos gostas de ver debatidos ou de debater com os teus amigos, quais as tuas melhores características e, depois de perceberes que atividade pode ser a melhor para ti, lembra-te da importância que ela pode ter na tua vida.

Neste sentido, ter um hobby deve ser encarado, tal como os estudos, como um investimento em ti próprio.