Blog
Abr 07

Aulas online: os prós e os contras

Há um ano o ensino à distância era também uma realidade distante. Hoje, são poucos os estudantes que ainda não estão familiarizados com este novo paradigma. Se há uns tempos muitos estudantes esperavam ansiosamente por uma “folga”, também são muitos os que agora esperam pela oportunidade de regressar à sala de aula. Afinal, quais são os prós e os contras das aulas online?

Ter aulas através de um computador parece, à maioria de nós, algo acessível, mas a verdade é que nem todos os estudantes têm as condições para o fazer. Ter um computador disponível e uma boa ligação à internet nem sempre acontece. Muitas vezes a instabilidade da ligação faz com que não seja possível acompanhar o raciocínio na íntegra, o que acaba por complicar alguma matéria que, dada num outro formato, poderia ser simples. Além disso, a capacidade de concentração parece diminuir e as fontes de distração parecem aumentar. O facto de não se estar no mesmo espaço físico e de, portanto, acabar por haver uma maior dispersão, faz com que algumas dúvidas fiquem por esclarecer e que questões mais práticas fiquem por abordar. A isto junta-se ainda a falta de contacto social que, por um lado, “rouba” o dinamismo e a interação característica de sala de aula e, por outro, acaba por tornar mais cansativo e “robotizado” o processo de aprendizagem.

No entanto, não podemos dizer que as aulas à distância não têm também as suas vantagens. A verdade é que o tempo perdido em transportes, no trânsito, entre outras coisas, reduz consideravelmente quando a sala de aula fica na porta ao lado do quarto. Isto pode traduzir-se em mais horas de sono ou no aproveitamento desse mesmo tempo para outras atividades. Depois, o ensino virtual permite também um ambiente mais confortável, menos formal e que, muitas vezes, pode ajudar a reduzir o stress e a ansiedade. Isto também poderá acontecer nos casos em que os professores gravem as aulas e as disponibilizem posteriormente, permitindo aos estudantes rever matéria, esclarecer dúvidas e, ainda mais importante, dando-lhes a oportunidade de progredir ao seu próprio ritmo. Este tipo de ensino traz ainda a possibilidade de uma aprendizagem mais global, já que uma aula online pode ser dada ou assistida de qualquer parte do mundo, tornando possível a partilha de experiências. E porque a partilha é sempre um fator a considerar, a participação familiar também assume especial preponderância neste modelo de ensino, que acaba por ser mais exigente para alunos, professores e pais.