Blog
Dez 18

Priorizar o bem-estar nas férias de Natal: Edição Estudante

Para muitos estudantes, as férias de Natal são a epítome da felicidade, deixando o espírito natalício transcender as luzes, os pinheirinhos, as decorações, apoderando-se deles e de todos os seus sentidos. Este êxtase fecha os olhos à rajada de avaliações que se avizinha e ameniza os prazos e entregas de tantos trabalhos até ao final do ano. Para muitos estudantes, porém, o Natal não faz milagre nenhum, apenas enaltecendo o stress e significando dois dias riscados do calendário que não poderão passar a dedicar-se à faculdade.

Numa época repleta de alegria e um sentimento vincado de família, é possível denotar mais ainda os contrastes. Por uma série de razões, a época festiva pode-se revelar bastante difícil de lidar. Estudos comprovam que os jovens sofrem tanto (ou mais) com a solidão do que as pessoas mais velhas. Ainda que numa era tão digital, os jovens estejam constantemente conectados, este facto pode agravar a sua sensação de solidão e não há mal nenhum nisso.

Seja por ansiedade ou solidão ou qualquer outra razão aqui não enunciada, apresentamos-te uma série de dicas que poderás seguir para priorizares o teu bem-estar nestas férias de Natal.

  • Prendas de Natal sob um Orçamento – Deixa o teu porquinho mealheiro inteiro, não precisas de gastar todas as tuas poupanças com os teus amigos e familiares. Apoia o comércio local, espreita lojas vintage/lojas de caridade ou faz as tuas prendas em casa, pondo em ação as tuas artes e ofícios. Prendas personalizadas são um miminho para quem as recebe e para quem as prepara, uma atividade certamente relaxante.
  • Natal é onde o Homem quer – Para aqueles estudantes que não conseguirão ir a casa durante o Natal: não estão sozinhos! Procura descobrir, na tua residência ou pelos corredores da Universidade quem, como tu, não terá oportunidade de passar o Natal com a família e organizem a vossa própria Consoada. Os amigos são a família que tu escolhes, lembra-te.
  • Tempo de qualidade em família ou queimar as pestanas? – Não querendo invadir a tua bolhinha de sabão, Janeiro, além de resoluções de Ano Novo, traz consigo, de mãos bem dadas e apertadas, a época de exames, entregas de trabalhos e apresentações. A boa notícia é que é possível equilibrar o tempo passado em família com as horas de estudo. Um dia tem 24 horas, se te organizares bem, consegues fazer uma boa gestão do teu tempo. Nas datas especiais, tira folga do estudo e guarda também um dia da semana para cuidares de ti e do teu estado mental. Não te esqueças que a tua saúde, incluindo a mental são mais importante que qualquer trabalho da faculdade. Se começares cedo, verás que conseguirás conciliar tudo, sem estares nem perto do abismo de um colapso mental nervoso.
  • A felicidade não tem de ser a tempo inteiro – Mesmo que a época o pareça exigir, não tens de estar constantemente no pináculo do espírito natalício. É normal teres os teus momentos mais em baixo, todos os temos, o que te diferencia é a forma como lidas com eles. Não varras a tua tristeza para debaixo do tapete, tenta perceber a sua fonte, fala com alguém e mantém contacto com as pessoas à tua volta. Planeia os teus dias de antemão, segue um propósito, ajuda a tua comunidade e garante que guardas uns tempinhos para o teu bem-estar, é importante.